pais separados - coaching - casule
Pais Separados – Como o Coaching Pode Amenizar os Danos da Separação
14/04/2018
Como Ter Resiliência no Trabalho- coachig -casule
Como Ter Resiliência no Trabalho?
18/04/2018

5 Tipos de Empreendedorismo e Suas Principais Características

5 Tipos de Empreendedorismo - coaching - casule

O brasileiro é um dos povos com maior vocação empreendedora no mundo. A prova disso é uma pesquisa feita pela Approved Index em 2015, que revelou ao mundo quais são os países em que a população faz valer o termo empreendedorismo. Em primeiro lugar ficou Uganda com uma taxa de 28%, em segunda a Tailândia com 16,7% e em terceiro o Brasil com 13,8%.

Olhando para dentro do país agora, um estudo do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), feito a pedido do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae), revelou que a taxa de empreendedorismo foi de 39,3% em 2015, o maior número dos últimos 14 anos. Você é ou tem algum amigo ou familiar empreendedor?

Outro dado interessante em relação ao cenário brasileiro é de que 15,4% do empreendedorismo de empresas com até três anos e meio de existência pertence às mulheres, enquanto 12,6% aos homens. Os dados são de uma pesquisa realizada pelo GEM 2016, coordenada no Brasil pelo Sebrae e pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBPQ). Você é ou conhece uma mulher que é dona do próprio negócio?

No Brasil, é possível identificar diversos tipos de empresas em diferentes setores e com modelos de negócios interessantes. Independentemente da característica da sua empresa, há alguns pontos que todas as organizações têm em comum, que são os sonhos, as ambições, a vontade de mudar o mundo o desejo de fazer seu negócio prosperar e crescer.

E você, tem vontade de abrir seu próprio negócio e ser o dono ou dona de uma empresa? Eu apoio! Se você já pensou nisso, mas não sabe pode onde começar, não se preocupe. Agora eu vou mostrar quais são os principais tipos de empreendedorismo que existem atualmente e algumas recomendações para evitar erros comuns. Então, você irá poder analisar se gosta realmente da ideia e qual dos tipos mais combina com você. Entendendo mais sobre o assunto e acreditando no seu potencial fica mais fácil estruturar um plano de negócios. Acompanhe!

1 – Empreendedorismo determinado

Os indivíduos que se enquadram nessa categoria têm o esforço correndo nas veias! Eles não têm medo de desafios e constroem suas empresas do zero sem copiar ou se frustrar com o sucesso alheio. Geralmente são pessoas que têm bastante convicção em relação às suas ideias e que investem todas as suas energias para realizar seus objetivos e fazer com que eles prosperem.

Apesar de a perseverança ser uma característica positiva, quando é usada com excesso pode se tornar arrogância. Portanto, é importante analisar periodicamente quais são os rumos que a empresa está tomando e corrigir o que for necessário. Também é essencial fazer um exercício de autoconhecimento para entender o que está levando essa pessoa a agir dessa forma.

2 – Empreendedorismo experiente

Nesse grupo estão os empreendedores que têm o tempo a favor deles. Eles já passaram por todas as etapas da criação de uma empresa, desde os momentos de euforia e alegria até os de tristeza e desânimo. Os profissionais com esse perfil usam a experiência a seu favor ao planejar o futuro do negócio com embasamento e segurança. A confiança ajuda a empresa a se tornar cada vez mais competitiva.

Após percorrer todo o caminho, os empreendedores experientes podem sentir a necessidade de viver as emoções das primeiras etapas novamente. Nesse caso, pode ser interessante desenvolver outras atividades na empresa atual ou abrir um novo negócio.

Alguns desses empreendedores mais experientes podem sentir que detém todo o conhecimento necessário e que não há necessidade de se atualizar. Aí que mora o perigo! O estudo para desenvolver habilidades e aprimorar conhecimentos é necessário em todas as etapas da carreira.

3 – Empreendedorismo de imitação

Admirar o sucesso de outra empresa e desejar seguir um caminho semelhante pode ser muito positivo. Afinal, quem tem esse perfil foi inspirado por outra pessoa a pesquisar, aprender, tomar decisões e abrir o próprio negócio.

Só é preciso tomar cuidado para a inspiração se tornar uma mera imitação. Esqueça a ideia de nada se cria tudo se copia, pois ninguém merece o desgaste de lidar com uma ideia igual a sua ou até de um processo judicial. Copiar a forma como outra empresa trabalha desde a estrutura do site, sua identidade visual, posicionamento de marca, estratégia de comunicação e outros quesitos, anula totalmente a criatividade da sua empresa. Além disso, você ainda tem grandes chances de ficar mais próximo do fracasso. Estudar cases de sucesso para encontrar um molde para o seu trabalho é interessante, mas se perceber que está simplesmente copiando, reflita que sua empresa estará sempre à sombra de outra. Busque inovar!

4 – Empreendedorismo cético

O tipo mais assustador de empreendedorismo é aquele que não acredita que o sucesso é uma consequência de muita preparação e esforço. Geralmente, os empreendedores que se encaixam nessa categoria acreditam que os empresários que tiveram êxitos tiveram sorte e também acredita que ele poderá ter isso. E se algo der errado, a culpa será do azar.

Esse tipo de pensando tira todo o mérito que empresários bem sucedidos deveriam ter. Os profissionais que obtiveram bons resultados com seu trabalho sabem bem que o crédito deve ser concedido à própria dedicação e a luta diária. Quando outra pessoa desconsidera o histórico, ela está apenas julgando a superfície e não está querendo enxergar a realidade. Isso pode ser considerado até como preguiça! Um profissional com esse perfil dificilmente terá um bom planejamento de negócios ou mesmo tomará alguma iniciativa que o diferencie no mercado. Já dizia o filósofo grego que “A maneira de se conseguir boa reputação reside no esforço em se ser aquilo que se deseja parecer.”.

5 – Empreendedorismo de pesquisa

Os empreendedores pesquisadores são aqueles que adoram uma tendência de mercado! Para descobrir quais são as novidades, eles estão sempre estudando novas tecnologias, possíveis inclinações do mercado, o impacto de acontecimentos atuais e até como os eventos do passado ainda podem ter influência sobre o que acontece hoje em dia. Ou seja: eles estão buscando qual pode ser o próximo potencial no mercado.

Só que de nada adianta ficar só pesquisando e não colocar nada em prática. Ter conhecimento é sempre importante, mas também é essencial que as novas informações sejam aplicadas na vida real. A solução é simples: aprendeu algo e acredita que isso pode aperfeiçoar seu negócio? Então, desenvolva uma estratégia para colocar essa ideia em funcionamento. Ou, caso você tenha dinheiro, contrate um especialista que pode lhe ajudar nessa tarefa.

Qual é o seu perfil?

Agora você já conhece os 5 tipos de empreendedorismo! Se você é um empreendedor,  já deve saber qual é o seu depois de ler o artigo. Além disso, acredito que alguns leitores podem ter descoberto que não tem a vocação para isso. Também acho que outros ficaram com vontade de abrir o próprio negócio. Para quem se sentiu inspirado desejo muita boa sorte nesse caminho e se tiver dúvidas é só escrever nos comentários!

Compartilhe esse artigo com os seus amigos empreendedores para que eles descubram em qual grupo estão!

Fonte: http://www.jrmcoaching.com.br/blog/5-tipos-de-empreendedorismo-e-caracteristicas/

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

Tiago Curcio
Tiago Curcio
É Coach e empreendedor nas áreas de saúde e tecnologia. Especialista em Inteligência de Negócios e em Programação Neurolinguística (PNL), adora pedalar e ficar com a família.

Os comentários estão encerrados.

BAIXAR O PDF
close-link
CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Close