Estágios desenvolvimento psicológico - coach - Tiago Curcio - casule
Os sete estágios do desenvolvimento psicológico de Richard Barret
18/08/2018
proverbios - Tiago Curcio - casule
20 Provérbios Japoneses Para a Vida Pessoal e Profissional
22/08/2018

Psicologia Financeira – Um Caminho Para Seu Controle

psicologia da finança - Tiago Curcio - casule

O dinheiro, por si só, não é capaz de trazer felicidade, porém o uso sem controle do mesmo pode causar o efeito contrário. Afinal, um indivíduo que está com muitas dívidas acumuladas certamente terá a sua tranquilidade prejudicada, pois estará sempre pensando em seus credores e em como fará para pagá-los. Um caminho bastante interessante para evitar esse tipo de problema é a psicologia financeira, que tem como objetivo ajudar as pessoas a construírem uma relação mais saudável e positiva com o dinheiro.

O Que é a Psicologia Financeira?

A psicologia é uma ciência focada no comportamento dos seres humanos e na forma com a qual eles agem em relação ao mundo ao seu redor. Pode ser voltada para a vida, de uma maneira geral, ou tratar de temas específicos, como é o caso da psicologia financeira. Afinal, as nossas escolhas, incluindo as relacionadas ao dinheiro, têm uma forte ligação com o nosso estado emocional.

Como bem disse o grande investidor norte americano Warren Buffet, se você não pode controlar as suas emoções, também não conseguirá controlar o seu próprio dinheiro. Nesse sentido, um indivíduo que se deixa levar pelas emoções e age de maneira impulsiva, certamente irá realizar gastos desnecessários, o que pode vir a prejudicar o seu orçamento e chegar, até mesmo, a comprometer o seu patrimônio.

O objetivo da psicologia financeira, mais do que apenas educar, é tratar a raiz do problema que muitas pessoas têm em relação ao dinheiro. Assim, elas poderão compreender melhor as suas emoções e descobrir a origem de crenças que carregam sobre o assunto, a fim de solucionar todas essas questões internas e passar a fazer escolhas mais seguras e equilibradas.

A Influência das Crenças na Relação Com o Dinheiro

Um dos principais motivos que leva as pessoas a terem problemas para lidar com suas finanças são as suas crenças. Dessa forma, alguém que cresceu ouvindo de seus familiares que ter ambições e desejar ter mais dinheiro era ruim, irá associá-lo a coisas negativas. Outros tipos de crenças e costumes incluem: investimentos são para ricos, quanto mais parcelada uma compra for melhor será, usar o cartão de crédito de forma desenfreada, não ter o hábito de registrar gastos e daí por diante.

Um bom profissional especializado em psicologia financeira tem todas as condições para auxiliar essas pessoas a ressignificarem as suas crenças limitantes e a construírem uma nova relação com o dinheiro, com base em informações reais e em técnicas verdadeiramente eficazes. Trata-se de um processo em que o indivíduo deixará de olhar para a mesma direção e terá uma visão mais ampla a respeito dos seus aspectos financeiros.

Dicas Para Construir uma Relação Positiva Com o Dinheiro

Por mais que o acompanhamento de um profissional seja importante, existem algumas medidas que você pode começar a adotar sozinho para que passe a lidar com o dinheiro de forma cada vez mais positiva. Coloque as dicas a seguir em prática e veja como essa relação irá se transformar.

1 – Analise a Sua Situação Financeira Atual

A primeira atitude a ser tomada é fazer uma análise minuciosa sobre a sua situação financeira atual. Não tenha medo de dar esse passo, pois ele será o início de uma transformação, que pode ser desafiadora, mas irá te proporcionar uma vida mais tranquila. Saiba exatamente quanto ganha e quanto gasta mensalmente, pois essas informações serão fundamentais para os passos seguintes.

2 – Registre Todos os Valores

Agora é hora de eleger um meio para que registre todas as suas entradas e saídas de dinheiro, como se fosse uma empresa. Pode ser um aplicativo, uma planilha ou uma agenda de papel, se achar mais prático. O importante é que seja algo que tenha facilidade para usar, pois isso irá se tornar parte da sua rotina. Poder visualizar todos os seus gastos irá permitir que diferencie o que é necessário do que pode ser eliminado.

3 – Elimine os Gastos Desnecessários

A etapa seguinte envolve verificar quais gastos que tem atualmente e que pode eliminar, como anuidades de cartões de crédito que não usa, taxas que o banco cobra e você não sabe o motivo, a assinatura de uma revista que mal lê, enfim, faça uma verdadeira faxina e verá quanto dinheiro conseguirá salvar cortando custos pequenos e que pareciam inofensivos.

4 – Leve a Sério Sua Relação Com o Dinheiro

É fundamental que você esteja realmente disposto a mudar e leve a sério essa transformação. Afinal, de nada adianta seguir todos os passos por uma ou duas semanas e, logo depois, voltar para a estaca zero. Para ajudar nisso, é importante que tenha um objetivo maior, algo que te motive a continuar firme na mudança de comportamento para que possa realizar, como a compra de um bem, por exemplo.

5 – Pense Com a Razão Antes de Comprar

Muitas pessoas dizem que fazer compras é relaxante e vão ao shopping quando precisam se acalmar. Saiba que esse é um comportamento que deve ser completamente evitado, afinal a compra é um ato que deve acontecer quando se tem uma necessidade, por isso a razão deve vir sempre em primeiro lugar. Acumular objetos em casa que não terão utilidade não é nada saudável, sem contar no risco de se endividar em uma dessas ocasiões.

6 – Utilize as Facilidades Que Seu Banco Oferece

Hoje em dia, os bancos oferecem aos seus clientes inúmeras facilidades, como aplicativos que permitem realizar transações em questão de segundos, utilizando o celular. É interessante utilizar essa praticidade para se organizar e manter os seus pagamentos em dia. Apenas tome o cuidado de seguir todas as recomendações de segurança para que a sua conta fique resguardada.

7 – Pense no Futuro ao Tomar Decisões Financeiras

Por fim, procure sempre considerar o futuro antes de tomar decisões financeiras. É claro que é importante viver o presente e desfrutar de experiências que irão, de alguma forma, agregar em sua vida. Entretanto, é fundamental que haja um equilíbrio, para que construa um amanhã positivo para você e sua família.

Se deseja aliar a esse processo de transformação metodologias que te ajudem a, também, traçar metas para alcançar os seus objetivos, procure por um Coach Financeiro. Esse profissional irá auxiliar você a descobrir todo o potencial que possui para lidar com o seu dinheiro com sabedoria e, assim, conquistar tudo o que deseja.

 

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/psicologia-financeira-um-caminho-para-seu-controle/

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

Tiago Curcio
Tiago Curcio
É Coach e empreendedor nas áreas de saúde e tecnologia. Especialista em Inteligência de Negócios e em Programação Neurolinguística (PNL), adora pedalar e ficar com a família.

Os comentários estão encerrados.

BAIXAR O PDF
close-link
CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Close