Você sabe qual é a diferença entre trabalho em equipe e em grupo? Pensando superficialmente pode parecer que estou falando da mesma coisa, mas não se engane, pois existem sim grandes diferenças. Se você ainda não sabe qual é a diferença é só continuar lendo o artigo para descobrir!

Descubra a diferença entre trabalho em equipe e em grupo

Resumindo, trabalhar em grupo, é executar atividades de modo isolado e descoordenado. Ao contrário de trabalhar em equipe, em que há senso maior de integração e organização, todos reconhecem a importância um do outro, valorizam seus diferenciais e usam em favor de todos.

Para que os conceitos fiquem ainda mais claro, vou colocar alguns exemplos para você conferir. Acompanhe!

Como é isso na prática

Lembra-se de como era fazer um trabalho em grupo na época do colégio? Vou contar um pouco da minha experiência e do que já acontecer. Vamos lá!

Depois que o grupo estava formado era hora de dividir as funções: a parte do livro que cada um deveria ler e assim por diante. Com essa etapa concluída, cada um iria para a sua casa para realizar as atividades. No dia marcado, era só juntar as partes, entregar o material para o professor esperar a nota.

Embora tivéssemos um objetivo em comum, o fato é que cada um fazia seu trabalho de modo isolado, sem entender ao certo o que o outro fez. Não havia realmente um senso coletivo e uma noção de que aquilo era importante para todos. Tanto é, que sempre tínhamos um ou outro colega que não fazia sua parte e sobrecarrega os demais.

Já o trabalho em equipe era bem diferenciado. Nele todos os membros têm funções e atividades bem definidas e, juntos, tem que construir o resultado. Se um não fizer sua parte, todos perdem, e quando todos dão o seu melhor e se complementam mutuamente, a vitória é certa.

Um bom caso para representar esse tipo de tarefa, é o trabalho que deveria ser apresentado. Como todos do time deveriam falar na frente de toda a sala, tínhamos que nos reunir antes para treinar o que cada iria falar.

Vamos dar outro exemplo dos tempos de escola. Você participava ativamente das aulas de educação física? As equipes esportivas de vôlei e futebol, por exemplo, geralmente amavam esportes e tinham prazer em competir juntos.

O espírito de equipe era o que unia os atletas e os fazia buscar sempre triunfar. Com o auxílio do líder, técnico ou coach, os jogadores tinham, dentro de fora de campo, o direcionamento necessário para seguir uma estratégia, atacar e defender do momento certo, e marcar o gol ou o ponto.

Nos esportes coletivos vemos o trabalho em equipe mais claramente. Quando algo vai mal com um dos atletas, a equipe deve renovar suas energias e autoconfiança para trazê-lo de volta à ativa.

Agora vamos transferir essa ideia para o mundo corporativo. Quando realmente queremos trabalhar em equipe unimos nossos conhecimentos, experiências e habilidades para alcançar resultados extraordinários. No fim das contas, esse é um processo extremamente rico para todos os participantes e também para a entrega final, que será mais completa.

E agora?

Depois de ler o artigo, você entendeu o que por que esses conceitos são desiguais? Sabendo de tudo isso, como você trabalha hoje em dia: em equipe ou em grupo? Antes de responder às questões acima, reflita se essa é o jeito que mais se encaixa com o seu cotidiano profissional.

Agora é hora de seguir em frente e tomar as rédeas da própria vida. Pense sobre como você prefere trabalhar. E como vai atuar a partir de agora que você tem mais conhecimento. É importante ter consciência de mudar é importante e, às vezes, até essencial. Mas, por que as pessoas têm medo da mudança?

É normal que a mudança traga um pouco de medo, pois foge da zona de conforto. Tudo que sai do combinado ou que acontece de um jeito diferente do previsto pode assustar a maioria das pessoas. A mudança exige que você trilhe o caminho com mais cuidado, observando cada passo e mantendo a atenção ativa para aprender coisas novas a todos os momentos.

É justamente nesse caminho que você aprende a refletir de forma diferente e sobre assuntos diferentes. No meio de todos os seus pensamentos, é importante que você considere o modo como trabalha.

Entender se você está executando suas atividades com efetividade, qualidade, assertividade e produtividade é o primeiro passo. Caso você chegue a conclusões negativas, é hora de repensar suas habilidades técnicas e o seu método de trabalho. Talvez você precise se comportar em equipe e não grupo. Porém, se você tiver tirado conclusões positivas, talvez é o momento de melhorar ainda mais o processo. Por que não ser ainda mais eficiente, não é mesmo?

No fim das contas, tudo é um processo de evolução. Uma maneira interessante de iniciar o seu é entendendo a programação neurolinguística. Essa é uma área da ciência desenvolvida pelo autor Richard Bandler e pelo psicólogo John Grinder, nos anos 70, nos Estados Unidos. Eles chegaram a teoria de que todo o ser humano possui 3 pilares: os processos neurológicos, a linguagem e o comportamento. Ainda segundo eles, se esses pilares se conectarem em prol de um objetivo, há mais chance de que você consiga alcançá-lo.

Para quem ficou interessado, há a formação Programação Neurolinguística (PNL), em que essa ciência é desenvolvida de forma minuciosa. Além de entender mais sobre o estudo, você aprende a ser a melhor versão de você mesmo. Para chegar a esse nível de maturidade você pratica exercícios essenciais como o autoconhecimento, a inteligência emocional e a autoestima.

Que tal começar essa transformação na sua vida agora mesmo? Faça uma lista do que precisa fazer para mudar e comece agora mesmo! Analise a si mesmo e invista no seu desenvolvimento pessoal e profissional. Com certeza, você se sentirá melhor, entregará um trabalho mais completo e ainda será mais querido pelas pessoas.

Gostou do artigo? Comente sua opinião abaixo!

Até a próxima!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/qual-a-diferenca-entre-trabalho-em-equipe-e-trabalho-em-grupo/

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

BAIXAR O PDF
close-link
CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Close