Já é de conhecimento geral que os exercícios físicos são extremamente benéficos para a saúde. Afinal de contas, o corpo humano foi feito para se manter em movimento, apesar de a vida moderna nos encaminhar para o sedentarismo.

Nos primórdios, o homem precisava se movimentar para buscar alimento, se proteger, entre outras atividades, hoje, temos comida de fácil acesso nas prateleiras dos supermercados. Dessa maneira, precisamos compensar essa falta de movimento no dia a dia praticando atividades físicas.

Continue a leitura para saber mais a respeito da importância dos exercícios e conferir dicas de como encontrar a modalidade ideal para você!

Importância de encontrar o seu tipo ideal de exercício físico

Se exercitar não é um hobby que algumas pessoas praticam por opção, é uma necessidade do ser humano, algo que todos deveriam fazer. Indivíduos que se exercitam regularmente têm uma série de benefícios e previnem vários problemas de saúde, veja quais.

  • Fortalecimento dos músculos, ossos e articulações;
  • Redução dos riscos de doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, doença metabólica e alguns tipos de câncer (bexiga, seio, endométrio, esôfago, rim, pulmão, estômago);
  • Controle do peso corporal;
  • Mais disposição e qualidade de vida;
  • Aprimoramento da cognição entre crianças de 6 a 13 anos;
  • Manutenção das habilidades de pensamento, aprendizado e julgamento entre idosos;
  • Redução do colesterol LDL (ruim) e aumento do HDL (bom);
  • Controle da ansiedade, estresse e depressão;
  • Fortalecimento da autoestima e autoconfiança;
  • Aumento da expectativa de vida.

Como se pode ver, são muitos os benefícios de começar a praticar exercícios físicos regularmente. Parar de 30 a 60 minutos por dia para se exercitar é, sem dúvidas, fazer um investimento em saúde e bem-estar, algo que irá impactar no seu relacionamento interno e com outras pessoas, no desempenho no trabalho, enfim, em toda a vida.

Como encontrar o melhor tipo de exercício físico?

Agora que você já sabe o quanto o exercício físico é importante, talvez esteja se perguntando por onde começar e qual tipo escolher. O primeiro passo para descobrir isso é fazendo uma avaliação médica. Assim, um profissional irá te avaliar e dizer se tem alguma questão que precisa tomar mais cuidado, evitando certas modalidades, ou se está apto para praticar aquela que mais lhe agradar. Veja algumas sugestões.

1 – Caminhada

A caminhada é a atividade mais indicada para quem está começando porque é extremamente segura e também tem muitos benefícios. Além do mais, pode ser facilmente encaixada na rotina, como, por exemplo, indo ou voltando do trabalho ou de outro compromisso a pé. A caminhada também pode ser realizada em parques, perto da sua casa, em condomínios, são muitas as possibilidades.VOCÊ É FELIZ?

2 – Corrida

Outra modalidade que tem se popularizado é a corrida, que pode ser considerada como a versão mais avançada da caminhada, que, aliás, é uma ótima porta de entrada para quem deseja começar a correr. Existem pessoas que correm sozinhas e outras que fazem parte de grupos. Também há aplicativos que dão dicas e registram o caminho percorrido, a velocidade, entre outras informações, facilitando o controle e fortalecendo a motivação.

3 – Musculação

Algumas pessoas preferem se exercitar em ambientes, digamos, mais controlados e as academias são uma ótima pedida! Nela, os instrutores passam os exercícios de musculação para os alunos, mostrando a forma certa de realizar cada movimento. É uma modalidade excelente para quem deseja fortalecer os músculos.

4 – Natação

Embora algumas pessoas classifiquem as aulas de natação como uma opção apenas para crianças, a verdade é que não existe idade para praticar e, até mesmo, aprender a nadar. Muitos clubes e academias oferecem aulas para adultos, exatamente por conta dos benefícios que essa atividade, que é considerada como uma das mais completas, pode oferecer.

5 – Hidroginástica

Prima da natação, a hidroginástica é uma atividade que também é realizada em piscinas, mas com o diferencial de que, para praticar, não é preciso saber nadar. Durante as aulas, os alunos permanecem com a cabeça fora da água, pois o intuito é movimentar o corpo. O esforço extra que precisa ser feito por se estar submerso faz dessa atividade uma opção fantástica para o fortalecimento dos ossos, músculos e articulações.

6 – Ciclismo

Mais uma opção para quem gosta de se exercitar ao ar livre, o ciclismo é um tipo de atividade com grandes benefícios para a saúde. Dá para praticar andando em parques, nas ruas ou, para os mais radicais, em montanhas, com o chamado mountain bike.

7 – Pilates

Criado na década de 1920 por Joseph Pilates, essa modalidade tem se tornado cada vez mais conhecida no Brasil. Nela, os exercícios são realizados em aparelhos com molas, agindo diretamente sobre os músculos. O pilates é bastante indicado para idosos, gestantes, pessoas com problemas na coluna ou qualquer um que deseje o fortalecimento muscular.

8 – Dança

Dançar também é uma forma de se exercitar e o fato de ser uma atividade divertida pode tornar o processo ainda mais prazeroso. Muitas academias de ginástica oferecem aulas de dança de ritmos diversos, como zumba, lambaeróbica, dança africana, entre outras. Essa modalidade também pode ser praticada em casa, com uma rápida busca no YouTube é possível encontrar vídeos de professores ensinando coreografias.

9 – Treinamento funcional

O treinamento funcional é um tipo de atividade física em que são realizados movimentos naturais do corpo humano, como: correr, pular, agachar, empurrar, girar. É ótimo para melhorar o condicionamento físico e o desempenho nas atividades do cotidiano.

Pode ser realizado em academias ou ao ar livre, mas é importante ter sempre o acompanhamento de um profissional para se certificar de realizar os movimentos da maneira certa, evitando lesões.

10 – Ioga

Por fim, uma prática que não é resumida a apenas uma atividade física, mas que coloca o corpo em movimento, além de incluir também a mente. A ioga teve sua origem na Índia, há mais de cinco mil anos, e há alguns anos vem se popularizando no ocidente. Podemos dizer que é um tipo de meditação em movimento, capaz de gerar diversos benefícios para a saúde do corpo e da mente.

Além dessas dez modalidades citadas, existem várias outras que você pode experimentar. Se não gostar de uma, vá para a próxima e dê uma chance, apenas não desista, continue procurando e irá encontrar um tipo de exercício físico que melhor se encaixe à sua rotina e preferências.

Como bem disse Joseph Pilates: “Seu corpo é o seu maior bem, ele guarda e reflete a sua alma”. Pense nisso e se cuide!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/sem-categoria/qual-e-o-melhor-tipo-de-exercicio-fisico-para-cada-pessoa/

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

BAIXAR O PDF
close-link
CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Close