Durante muito tempo, as pessoas se preocupavam apenas com a saúde do corpo, deixando de lado o bem-estar emocional. Não existia a consciência que de que ambos os aspectos estão conectados e que, quando um vai mal, o outro também é impactado. Felizmente, isso tem mudado e a sociedade tem debatido cada vez mais temas ligados à saúde emocional. Continue acompanhando para saber mais a respeito da importância desse cuidado que deve ser levado por toda a vida.

Diferença entre saúde emocional e mental

Antes de dar continuidade à reflexão sobre a saúde emocional, é preciso destacar que, embora tenha relação com a saúde mental, cada uma se refere a um aspecto diferente, observe.

Saúde emocional: é uma parte importante da saúde mental, mas envolve outros detalhes, como comportamento e sentimentos, ou seja, o estado de espírito de uma pessoa.

Saúde mental: representa a ausência de doenças ligadas à mente, como ansiedade e depressão, por exemplo. Lida diretamente com o equilíbrio entre uma pessoa e o ambiente em que ela vive.

Basicamente, a primeira envolve aspectos mais profundos do indivíduo, enquanto a segunda diz respeito à sua relação com o mundo externo e à inexistência de transtornos ligados à mente.

Os benefícios da boa saúde emocional

Uma pessoa que está com sua saúde emocional em dia consegue viver de forma mais leve. Observe alguns exemplos que mostram o quanto estar equilibrado emocionalmente é importante.

Identificar emoções ruins logo que elas surgem: certas emoções, se não forem reconhecidas logo no início, podem gerar reações intempestivas e dar início a discussões e desentendimentos. Assim, quando uma pessoa consegue perceber rapidamente que está com raiva, por exemplo, tem a opção de responder em vez de reagir, assumindo uma postura mais equilibrada.

Ser mais compassivo consigo mesmo: a voz interior de muitas pessoas tem um tom excessivamente crítico. Elas se culpam, se julgam e, em vez de aprenderem com suas falhas, tornam-se reféns delas. Quando a saúde emocional é boa, essa voz tende a se tornar mais compassiva, o que é ótimo para o aprendizado e a evolução.

Autoconhecimento: o equilíbrio emocional permite que uma pessoa tenha mais consciência em relação ao que sente e se sinta motivada a sempre se questionar. Isso é muito positivo, já que o autoconhecimento precisa ser um processo constante, pois estamos todos em constante mudança.

Autoconfiança: o ser humano tende a confiar mais nas coisas depois de conhecê-las. Assim, quanto mais uma pessoa se conhece e entende suas emoções, mais autoconfiante ela se torna, o que permite que tome decisões e aja com confiança e assertividade.

7 Dicas para zelar pela sua saúde emocional e viver com mais equilíbrio

Depois de entender a importância da saúde emocional, aproveite para conferir algumas dicas para cuidar da sua. Ao colocá-las em prática, verá os benefícios impactarem positivamente em todas as áreas da sua vida.

1 – Invista no diálogo interno

Se conversamos com uma pessoa para conhecê-la melhor, por que não fazer o mesmo em relação a nós? Procure conversar mais consigo mesmo, se questionar sobre o que sente e entender as razões para cada emoção que surgir. Isso irá te conduzir por um processo poderoso de autoconhecimento, permitindo que aprenda a responder a determinada situação, agindo de modo consciente, em vez de simplesmente reagir sem pensar.VOCÊ É FELIZ?

2 – Adote estratégias para regular suas emoções

Existem várias estratégias que podem te ajudar a regular suas emoções e se controlar em momentos de estresse e ansiedade. Algumas opções interessantes incluem: meditação, ioga, exercícios de respiração, escrever em um diário como se sente, ouvir músicas relaxantes, entre outras. Experimente todas até encontrar aquelas com as quais mais se identificar, mas faço isso sem julgamentos prévios, principalmente no caso da ioga e da meditação. Lembre-se que todos os praticantes experientes um dia foram apenas iniciantes.

3 – Ofereça ajuda para outras pessoas

Fazer algo de bom para outra pessoa é uma ótima forma de se sentir útil, o que poderá contribuir para o fortalecimento da sua autoestima. Torne isso parte da sua rotina, sempre que perceber que alguém está precisando de ajuda e sabe que pode contribuir, faça. Essas atitudes também são poderosas porque fortalecem as conexões entre as pessoas e estimulam aquelas que são beneficiadas a passar o gesto adiante, gerando um círculo virtuoso e que a sociedade realmente precisa.

4 – Dedique um tempo a si mesmo

Todo mundo precisa de um tempo para si, para realizar algo que goste, relaxar e se sentir bem. Pode ser um banho relaxante, uma massagem, um hobby. Se conheça e descubra o que faz com que se sinta feliz, tornando isso parte da sua rotina. Para evitar que realize essa atividade apenas uma vez e depois ela se perca em meio às suas obrigações, inclua-a na sua agenda de compromissos.

5 – Construa relacionamentos fortes

As pessoas com as quais nos relacionamos exercem uma forte influência sobre nós. Existem aquelas que parecem nos reenergizar, tamanha é sua alegria de viver, já outras possuem o efeito contrário e sugam nossas energias. Comece a observar o efeito que os indivíduos com os quais convive têm sobre você, para que coloque limites em relação aos chamados “vampiros emocionais” e se torne ainda mais próximo de quem te faz bem.

6 – Saiba quais são os seus valores

Saber quais são os seus valores pessoais é essencial, porque através disso poderá direcionar seu comportamento e colocar limites sobre a ação de terceiros sobre você. Esse é mais um benefício do autoconhecimento, saber exatamente o que acredita ser certo ou errado, quais são suas prioridades, o que valoriza em um relacionamento. Nunca se perca dos seus valores, pois são eles que irão mostrar o caminho para uma vida mais equilibrada.

7 – Desenvolva a assertividade

Ser assertivo é fazer escolhas com confiança, de acordo com os seus valores. Quando uma pessoa não tem essa habilidade desenvolvida, acaba se submetendo a situações que não gostaria, para agradar os outros ou se sentir parte de um grupo. A longo prazo, isso gera uma série de frustrações, que fazem muito mal para a saúde emocional, acarretando mágoas e ressentimentos. Portanto, busque a assertividade em suas ações e liberte-se do medo de mostrar quem você é.

Como bem diz o título deste artigo, a saúde emocional é um cuidado que devemos ter por toda a vida. Afinal de contas, se as emoções não estiverem equilibradas, todo o resto será impactado. Faça isso por você e por todos aqueles que ama, já que a sua felicidade também é a felicidade deles.

Se este conteúdo fez sentido para você, compartilhe-o em suas redes sociais!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/saude-emocional-um-cuidado-toda-vida/

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

BAIXAR O PDF
close-link
CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Close