O que é viver seguindo um propósito?

O que é viver seguindo um propósito?

Propósito, uma palavra que tem sido bastante falada atualmente. Você sabe o que realmente isso significa? Basicamente, propósito é o objetivo de vida de uma pessoa, aquilo que a motiva a acordar todas as manhãs. Tornar-se consciente em relação ao seu, permitirá que viva com mais direcionamento, canalizando suas energias para aquilo que faz sentido dentro do seu entendimento como indivíduo. Continue a leitura para entender melhor o conceito e a sua importância.

O que é propósito?

Cada ser humano tem um propósito, o motivo pelo qual veio ao mundo. O meu propósito é ajudar as pessoas a alcançarem seu potencial máximo através de meus cursos e treinamentos e, assim, contribuir para um mundo melhor. É como se cada indivíduo com o qual compartilho meu conhecimento se tornasse uma semente que irá levar o aprendizado adiante. Isso me move e me motiva a evoluir a cada dia mais, dando sentido à minha existência.

Existem pessoas que têm como propósito levar alegria para as outras, fazer a diferença no mundo através de um empreendimento, de seus estudos e pesquisas, sendo um exemplo de solidariedade, ajudando animais de rua, são muitas as possibilidades. O bonito da vida é exatamente isso, cada indivíduo contribuir oferecendo o seu melhor, assim, juntos, nos tornamos uma corrente poderosa.

A busca por um propósito pode estar ou não ligada a uma crença religiosa. Para indivíduos espiritualizados, o conceito está relacionado a um chamado de um ser superior. Para aqueles que não possuem nenhuma crença, o propósito está ligado à busca pela evolução pessoal e ao desejo de fazer a diferença no mundo, construir um legado e ser lembrado por algo positivo.

Propósito é o objetivo de vida de uma pessoa, aquilo que a motiva a acordar todas as manhãs.

Motivos para viver seguindo um propósito

Uma pessoa que decide viver seguindo um propósito tem muitos benefícios, veja a seguir quais são eles e entenda por que deve encontrar o seu.

1 – Ter uma motivação para se dedicar a algo

Motivação é o motivo que leva à ação, uma pessoa motivada se sente muito mais engajada para ir em busca de seus objetivos. Experimente em um dia definir pela manhã quais serão os seus objetivos e, em outro, apenas realizar tarefas sem qualquer planejamento. Então, veja em qual situação sentirá mais satisfação quando o fim da tarde chegar, o que certamente irá acontecer no dia em que definiu metas e sabia pelo que estava trabalhando.

2 – Saber quais são as suas prioridades

A partir do momento em que se torna consciente sobre qual é o seu propósito, começa a identificar com mais clareza as suas prioridades, facilitando a tomada de decisão. Como diz o ditado, quando você não sabe para onde está indo, irá se contentar com qualquer destino. Saber onde deseja chegar é empoderador porque te coloca na posição de comandante do navio, possibilitando que diferencie o que está ou não de acordo com o seu propósito.VOCÊ É FELIZ?

3 – Fortalecer o senso de utilidade

Sentir-se útil é fundamental para ser feliz, isso dá sentido à sua existência. Ao descobrir qual é o seu propósito, irá se dedicar a ele, transformando-o na sua missão. Uma pessoa que tem como propósito a preservação da natureza, por exemplo, se sentirá útil ao fazer parte daquela causa e trabalhar por ela.

4 – Viver com direção e significado

O propósito é como uma bússola que mostra para qual direção um indivíduo deve seguir. Isso faz com que ações do cotidiano, como acordar e ir para o trabalho, tenham um novo sentido. Existe uma história muito tocante que fala sobre isso: uma pessoa passou por uma construção e perguntou aos trabalhadores o que estavam fazendo, o primeiro disse que estava peneirando areia para fazer a massa, já o segundo imediatamente respondeu orgulhoso que estava construindo uma catedral.

Percebe o quanto o pensamento em relação ao que se faz é transformador? Em vez de simplesmente responder o que estava fazendo, como seu colega, ele olhou além, no motivo pelo qual estava se dedicando, a construção de uma catedral, possivelmente por ser uma pessoa de fé, que via ali mais do que uma construção e sim um templo.

5 – Alcançar o sucesso e a realização pessoal

Toda a clareza e a motivação que acompanham a vida com propósito são combustíveis para que uma pessoa alcance o sucesso e a realização pessoal, já que ela irá se dedicar com muito mais afinco do que faria sem esse direcionamento. Vale lembrar que o conceito de sucesso é subjetivo, cabe a cada indivíduo definir o que, para ele, significa ser bem-sucedido e buscar isso através de suas ações.

5 Dicas para viver seguindo seu propósito

Depois de entender o que significa viver com um propósito e o quanto isso é empoderador, confira cinco dicas para descobrir qual é o seu.

1 – Descubra o que te motiva: reflita sobre o que te motiva, suas paixões, o que faz os seus olhos brilharem. Vale dizer que não precisa, necessariamente, ser algo ligado à sua carreira profissional, você pode levar seu propósito como um projeto pessoal.

2 – Busque se conhecer: o autoconhecimento é a chave para o crescimento e a evolução. Busque se conhecer cada vez mais, se conectar consigo mesmo, ouvir a sua própria consciência. Isso irá te proporcionar uma visão ampla de quem você é, permitindo que tome decisões com mais assertividade.

3 – Estabeleça suas prioridades: ao descobrir qual é o seu propósito, identifique quais são as ações que te aproximarão dele. Assim, saberá identificar com mais clareza aquilo que não agrega para se desviar.

4 – Seja grato: agradecer é um gesto altamente empoderador, pois faz com que amplie a visão sobre as coisas boas que lhe cercam, o que te ajudará a manter a motivado a continuar se dedicando à sua missão.

5 – Viva o momento presente: para que suas ações contribuam com seus objetivos, precisa se concentrar no presente, despegando-se do que passou ou do que virá. Afinal de contas, é no agora que as coisas acontecem e as suas ações surtirão efeito.

Sêneca disse que quando um homem não sabe para que porto está movendo o seu barco, nenhum vento é o vento certo. Por isso, saiba para onde está indo, dê um motivo para a sua ação, então, cada pequeno gesto terá um grande significado.

Se este artigo te ajudou de alguma maneira, passe-o adiante, compartilhando em suas redes sociais!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/o-que-e-viver-seguindo-um-proposito/

Qual o impacto que o Lockdown pode gerar em nossos relacionamentos

Qual o impacto que o Lockdown pode gerar em nossos relacionamentos

Lockdown é o nome dado a um protocolo de isolamento obrigatório em que todas as pessoas de determinado local devem permanecer em suas casas. Cidades do Brasil e do mundo estão recorrendo a esse protocolo como forma de conter a disseminação do coronavírus (COVID-19). Em outras regiões, mesmo que não haja a obrigatoriedade, existe a recomendação do distanciamento social.

A distância dos entes queridos faz com que muitas pessoas se perguntem qual será o impacto que o lockdown terá sobre seus relacionamentos. Afinal de contas, relações precisam de presença, contato, troca de afeto, conversa olho no olho. Continue acompanhando para entender os efeitos que o distanciamento social pode gerar dentro desse contexto, além de dicas para se fazer presente mesmo que a distância.

Os relacionamentos e o lockdown: é possível se fazer presente a distância?

Qualquer pessoa deseja estar perto dos seus entes queridos, da pessoa amada, de seus familiares e amigos. Por isso, sempre fez parte da rotina ter encontros com eles, reunindo-se na casa de um deles no final de semana, marcando para ir a um restaurante, parque, cinema, entre outros programas comuns. Então, veio o coronavírus e mudou toda essa rotina, colocando uma barreira de distância entre pessoas que não moram sob o mesmo teto.

Hoje, estar longe de quem se ama é um gesto de amor e cuidado, já que a ideia do distanciamento é exatamente acabar com o contágio. Por outro lado, é preciso deixar claro que a distância física não precisa significar distância emocional. Se, no momento, não dá para visitar as pessoas que ama, você pode adotar várias outras formas de se fazer presente e demonstrar o que sente por elas.

Temos muita sorte por vivermos em uma época em que a tecnologia nos permite realizar muitas coisas a distância. Podemos ver e ouvir pessoas que estejam em qualquer lugar do mundo através de videoconferências, trocar mensagens em tempo real, assistir filmes simultaneamente com cada um em sua casa, pedir um almoço especial e mandar entregar na casa de outra pessoa, são muitas as possibilidades.

É claro que nada é capaz de substituir o valor de um abraço, um beijo, um afago, mas, mesmo assim, são formas de nos sentirmos perto de quem amamos enquanto o melhor que podemos fazer por eles e por nós é manter o isolamento. Procure se concentrar no que pode fazer dentro da realidade atual, sem se lamentar pelo que não é possível agora. Faça-se presente com as condições que tem e estará realizando um ótimo trabalho.

Estar distante dos entes queridos é uma tarefa muito difícil mas fundamental para enfrentarmos esse momento

7 Formas de manter relacionamentos saudáveis em meio ao lockdown

Manter relacionamentos saudáveis sempre teve seus desafios, afinal, é preciso se dedicar para manter forte a conexão com os entes queridos. Com a recomendação de isolamento social isso se tornou um pouco mais desafiador, mas com criatividade e carinho é possível quebrar a barreira da distância sem colocar ninguém em risco. Confira, a seguir, algumas sugestões para manter os laços com aqueles que ama mesmo sem estar fisicamente ao lado deles.VOCÊ É FELIZ?

1 – Converse ouvindo a voz das pessoas

Atualmente, os aplicativos de mensagens estão entre os meios de comunicação mais usados. Contudo, com o distanciamento social, é importante usar todos os recursos possíveis para manter a conexão com os entes queridos. Sendo assim, utilize aplicativos de videoconferência, para ver e ouvir os outros. Em se tratando de familiares mais velhos, que não tenham intimidade com a tecnologia, a boa a velha chamada telefônica resolve.

2 – Marque encontros virtuais com grupos de pessoas

Tome a iniciativa de reunir virtualmente grupos de pessoas, como familiares e amigos. Se tinham o hábito de almoçar juntos aos domingos, por exemplo, façam isso, mas com cada um em sua casa e utilizando recursos de videoconferência para se fazerem presentes. O mesmo vale para os programas com amigos, de se reunir para um happy hour. Conversem, riam, se divirtam, isso fará muito bem a todos.

3 – Crie grupos em aplicativos de mensagem

Criar grupos em aplicativos de mensagens com familiares e outro com amigos também é outra forma positiva de manter a conexão mesmo a distância. Assim, poderão compartilhar coisas que estejam fazendo no dia a dia, enviar fotos, vídeos, trocar informações, palavras de apoio.

4 – Faça surpresas para os entes queridos

Estar em casa sem poder sair e ver as pessoas que ama é algo bastante delicado, que mexe com o lado emocional de todos. Por essa razão, fazer surpresas para os entes queridos é uma forma de deixá-los mais felizes, o que também pode ser realizado em datas especiais, como no aniversário, por exemplo. Confira algumas sugestões:

  • Pedir o prato preferido da pessoa no almoço ou jantar em um aplicativo e colocar o endereço dela para entrega.
  • Caso morem na mesma cidade, você pode preparar uma receita especial e enviar através de um entregador.
  • Enviar um kit com produtos de cuidados pessoais para um dia de spa.

5 – Combinem de assistir ao mesmo filme ou ler o mesmo livro

Uma ideia interessante para que tenham interesses em comum para conversar é combinarem de assistir ao mesmo filme ou série ou lerem o mesmo livro. Assim, após assistirem ou ao final de cada capítulo, poderão comentar a respeito e compartilhar suas opiniões.

6 – Compartilhe seus sentimentos e ouça as outras pessoas também

Além de encontrar formas criativas de passarem tempo juntos a distância, é importante que falem sobre o que estão sentindo e compartilhem os medos, inseguranças, angústias. Se abrir e ouvir os desabafos da outra pessoa fará bem para ambos.

7 – Explique que o distanciamento é para o bem de todos

Caso tenha algum familiar ou amigo que esteja cobrando a sua presença física, explique com carinho que o distanciamento é uma medida para o bem de todos. É desafiador permanecer longe, mas é necessário para que possamos logo nos abraçar em segurança. Tenha paciência, seja firme e aos poucos essa pessoa irá entender.

O lockdown faz a saudade dos entes queridos apertar e até doer, mas, até que tudo isso passe, é possível manter os laços fortes de outras maneiras. Além disso, essa experiência servirá para que todos deem mais valor aos relacionamentos e se façam verdadeiramente presentes na vida uns dos outros no futuro.

Se este conteúdo te ajudou de alguma maneira, compartilhe-o em suas redes sociais!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/qual-o-impacto-que-o-lockdown-pode-gerar-em-nossos-relacionamentos/

Qual a importância de viver no presente?

Qual a importância de viver no presente?

Atualmente, muito tem se falado sobre a importância de viver no presente, e são várias as razões para isso. Em primeiro lugar, porque isso permite que desfrute de cada instante da vida intensamente, fazendo escolhas conscientes, sendo grato e se conectando verdadeiramente às outras pessoas. Outros motivos também tão relevantes quanto, incluem o fato de que, quando você vive o agora, deixa de lado a culpa sobre o que passou e não pode mais ser mudado e a ansiedade pelo que nem sabe se irá acontecer.

Viver no presente é libertador, faz com que assuma o controle sobre sua vida e a encaminhe exatamente para o destino que deseja. Continue acompanhando e saiba mais sobre o quanto se conectar ao agora é transformador.

7 Motivos pelos quais viver no presente é importante

Viver o presente é aproveitar cada instante de nossas vidas.

Caso não esteja convencido de que precisa o quanto antes começar a viver no presente, te darei sete motivos para isso. Leia cada um deles com atenção e perceba que, ao viver de outra forma, está desperdiçando grandes oportunidades de felicidade e desenvolvimento.

1 – Relacionamentos mais positivos

Uma cena bastante atual envolve uma família sentada à mesa para fazer uma refeição com cada um com os olhos fixos sobre a tela do celular, sem trocar uma só palavra. Esse é um grande exemplo do quanto viver no presente é importante, porque evita que esse tipo de situação aconteça. Quando você começa a se concentrar no agora, desfruta de cada instante em plenitude, conectando-se verdadeiramente às pessoas ao seu redor.

Quando foi a última vez que teve uma conversa mais profunda com um amigo ou familiar, se abrindo e ouvindo a outra pessoa com toda a sua atenção? Comece a fazer isso e veja o quanto suas relações se tornarão mais significativas e verdadeiras. O celular tem realmente muitos recursos úteis e interessantes, mas poderá ser usado depois, sem prejudicar as interações com aqueles que ama.

2 – Valorização das pequenas coisas

Uma pessoa que está sempre focada no passado, na culpa que sente por algo que fez ou deixou de fazer, ou no futuro, sempre condicionando sua felicidade a um acontecimento, fecha seus olhos para pequenas coisas que podem ser motivos de grande satisfação. Poder fazer uma refeição com um familiar, observar o céu azul, tomar um banho relaxante após de dia exaustivo de trabalho. São muitas coisas pequeninas que, quando percebidas, dão à vida um novo significado.

3 – Menos estresse

Perceba que, geralmente, o sentimento de estresse está ligado a algo que aconteceu ou que pode vir a acontecer e não no presente. Assim sendo, quando você se conecta ao agora, consegue encontrar o equilíbrio emocional, libertando-se dessa irritabilidade. Deixe para se concentrar no que estiver fazendo, permanecer irritado o dia todo porque levou uma fechada no trânsito ou por algo que aconteceu no trabalho não te ajudará a resolver a questão.VOCÊ É FELIZ?

4 – Mais criatividade

A criatividade é uma habilidade que une inteligência, perspicácia e sensibilidade. Um indivíduo que está preso ao passado ou com medo do que poderá acontecer no futuro, dificilmente conseguirá ter ideias criativas, porque sua visão está comprometida. Já aquele que se mantém conectado ao presente consegue perceber detalhes valiosos e encontrar oportunidades que estavam ocultas.

Sabemos que a capacidade de inovação é uma habilidade cada vez mais valorizada, principalmente pelo mercado de trabalho. As empresas desejam ter em suas equipes pessoas que pensem fora da caixa, sejam criativas e arrojadas, algo que apenas se torna possível quando há essa conexão com o aqui e agora.

5 – Mais foco

Coloque duas pessoas para realizar uma mesma tarefa: a primeira, direcionando todo seu foco à atividade, já a segunda, sendo interrompida a todo o momento. Sem sombra de dúvidas, a primeira entregará um resultado muito melhor, porque poderá se atentar aos detalhes, considerar todas as variáveis e chegar ao que julgou ser a melhor forma de concluir sua missão.

Essa é a diferença entre executar uma atividade focando no presente ou se deixando levar pelo medo de que o resultado não seja satisfatório ou por ter errado tentando fazer a mesma coisa no passado. Quando se mantém o foco no agora, as chances de encontrar soluções positivas para qualquer coisa que esteja fazendo são muito maiores.

6 – Menos culpa e arrependimento

Todo ser humano comete erros, mesmo que se dedique e tenha a intenção de acertar. É claro que não dá para usar isso como desculpa e sair por aí errando sem qualquer responsabilidade. Por outro lado, não dá para mergulhar em um mar de culpa e se julgar incapaz apenas porque falhou.

Quando uma pessoa reconhece a importância de viver no presente, naturalmente entende que não deve se culpar pelo que passou. Ela olha para a sua falha, aprende as lições deixadas por ela e segue em frente, honrando esse passado agindo de maneira diferente, mas sem se tornam refém dele.

7 – Mais confiança e positividade

Viver no presente também tem como benefício a possibilidade de viver com mais confiança e positividade. Isso ocorre porque o indivíduo entende sua responsabilidade em relação ao que lhe acontece, assim, sai da posição de vítima para assumir o posto que lhe é de direito, de autor da sua própria história. Essa mudança de mindset é transformadora porque leva as pessoas a se tornarem conscientes de que, se problemas surgirem, poderão se dedicar e resolvê-los.

Como começar a viver no presente?

Abandonar um passado de culpa e medo do futuro é desafiador, mas é totalmente possível. Para começar a viver no presente basta dar o primeiro passo e, sempre que sua mente insistir em vagar pelo ontem ou pelo amanhã, trazê-la para o hoje. Lembre-se que não é uma mudança que irá acontecer do dia para a noite, é um processo a ser realizado ao longo da vida.

Todo ser humano tem cinco grandes aliados para a conexão ao momento presente, que são os sentidos: visão, audição, tato, paladar e olfato. Utilize-os sempre que sua mente voar para longe, observe o local em que está, escute os sons, toque as superfícies, saboreie os alimentos, sinta os aromas. Esse é um exercício fantástico e que poderá realizar sempre e em qualquer lugar.

Viver no presente é o melhor caminho para a felicidade. Faça isso e veja o quanto seu desempenho profissional irá melhorar, assim como seus relacionamentos, sua saúde e todo o mundo ao seu redor.

Se este artigo fez sentido para você, compartilhe-os com seus amigos!

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/qual-a-importancia-de-viver-no-presente/

Aprenda a Diferença entre Dom e Talento

Aprenda a Diferença entre Dom e Talento

Quando alguma pessoa apresenta uma desenvoltura perfeita ao desempenhar determinada atividade, dizem que ela tem um dom ou talento para aquilo. Apesar de serem empregadas de formas semelhantes, o significado da palavra dom é diferente da definição de talento e, portanto, representam características distintas. 

Diante disso, é importante nos atentarmos para este fato, para que dessa maneira tenhamos a oportunidade de compreender as diferenças existentes entre os dois conceitos e de que forma estes podem ser aplicados nos mais diversos contextos do dia a dia. 

Convido você a me acompanhar ao longo da leitura deste conteúdo, para que, juntos, possamos aprender muito mais coisas hoje 

O que é dom?

Dom vem do latim, donus, que significa dádiva, presente. Nessa perspectiva, trata-se de uma capacidade inata para desempenhar com destreza e maestria determinada tarefa, até mesmo em aspectos em que parecem mais complexas para a maioria das pessoas. Como exemplo, podemos citar uma criança que mostra desde cedo uma afinidade muito grande para tocar determinado instrumento. 

Quando falamos em facilidade em executar ou aprender determinada atividade, vale lembrarmos que o significado da palavra dom não tem como sinônimo a genialidade, já que essa condição ocorre somente com alguns indivíduos e devido a questões cerebrais que ainda estão sendo desvendadas pela ciência. Já o dom pode ser observado em todo e qualquer tipo de pessoa. 

O que é talento?

Apesar de ser muito parecido com o dom em definição, o talento se distingue por ser justamente uma habilidade que pode ser desenvolvida ou aperfeiçoada. Trata-se de um gosto especial, uma aptidão, uma predisposição espontânea a algo, que atinge sua plenitude por meio de muito treino, disciplina e perseverança. Nesse sentido, ser muito bom em determinada atividade somente depende de você. Já diz o ditado que “todo talento é 1% inspiração e 99% transpiração”. 

O exemplo mais claro disso são os atletas. Para que sejam considerados realmente bons no que fazem, bem como campeões em suas áreas, é preciso muito mais do que apenas gostar de praticar um determinado esporte. Além da paixão pelo que faz, é necessário que eles sejam totalmente comprometidos, disciplinados com suas atividades e horários e, principalmente, que estejam em constante treinamento.

Você sabe qual é o seu dom e talento?

Saber qual é o seu dom e talento é tão determinante para sua existência que ambos os termos são empregados como missão de vida. Além da espiritualidade, outras áreas também são beneficiadas quando você conhece melhor as suas capacidades e aperfeiçoa as suas habilidades. 

Apesar do significado da palavra dom estar diretamente relacionado a alguma característica com a qual já nascemos, ele somente poderá tornar-se visível se o praticarmos. Não adianta nada nascer com algo especial se não formos devidamente lapidados. 

No caso do talento, a necessidade de desenvolver aquilo que você faz com paixão é ainda mais evidente. Não adianta somente saber qual a atividade que o deixa satisfeito se você não se esforça para aperfeiçoar seu conhecimento e executá-lo bem. Nesse caso, seus sentimentos, pensamentos e comportamentos devem ser devidamente bem conduzidos para serem utilizados de forma produtiva. VOCÊ É FELIZ?

autoconhecimento é fundamental para descobrir qual o seu dom e talento, os quais permitirão identificar a carreira que deseja trilhar e seus objetivos. Dessa forma, você se sentirá mais confiante, realizará todas as tarefas com maestria e superará todos os desafios.

Todos nós crescemos com características próprias e específicas, sejam hereditárias ou acumuladas e aprendidas ao longo do tempo. E é exatamente a junção dessas aptidões que formam a nossa personalidade e nos abrem caminhos para compreendermos nossa própria vocação, aquilo que podemos fazer com qualidade e que nos traz resultados extraordinários, seja no contexto pessoal ou mesmo profissional.

Como desenvolver dons e talentos?

A partir do momento que você identifica seus talentos, através de seu processo de autoconhecimento, é preciso colocar a mão na massa e começar a desenvolvê-los, para que dessa forma você consiga alcançar as metas e objetivos que estabeleceu pessoal e profissionalmente em sua vida. 

Veja de que forma você pode fazer isso, a seguir:

Comece valorizando cada um deles

Muitas pessoas, após identificarem seus dons e talentos, têm a tendência de não valorizá-los. Isso quer dizer que elas basicamente não acreditam que cozinhar bem, escrever, se comunicar, entre diversas outras habilidades, não é nada demais e não lhes levará a lugar algum. 

Neste sentido, antes de qualquer coisa que você vá fazer para desenvolver seus dons e talentos, é essencial que você os valorize, como algo que faz parte de você, como algo que é único e que somente você possui, mais ninguém. 

A partir do momento que se desenvolve essa consciência, fica ainda mais fácil dar os próximos passos em direção  ao sucesso. 

Liste seus dons e talentos e planeje

Depois de identificar e dar valor aos dons e talentos que você descobriu que tem, é chegado o momento de listá-los e planejar o que você deseja construir a partir deles, ou seja, quais metas, sonhos e objetivos você quer alcançar, e acredita que tais habilidades vão contribuir verdadeiramente para que você obtenha estas conquistas?

Após esclarecer isso em sua mente, faça um planejamento, acompanhado de um plano de ação, contendo tudo o que você precisa fazer, não só no sentido de alcançar o que almeja, mas também de aprimorar estes dons e talentos que descobriu que têm. 

Com o tempo você vai perceber que ao realizar tais ações, você estará evoluindo consideravelmente, da forma como sempre quis. 

Aprimore seus conhecimentos

Outra ação que contribui para o desenvolvimento de dons e talentos é aprimorar constantemente os conhecimentos que se tem. Seja por meio de livros, revistas, artigos, cursos, treinamentos, palestras, workshops, enfim, o importante é se manter sempre em processo de atualização constante, pois isso vai contribuir de forma significativa, para que você saia do estado atual em que você se encontra e se direcione ao estado desejado, ou seja, aquele em que sempre quis estar. 

Neste sentido, algo em que você pode investir é em um dos cursos online oferecidos pelo Instituto Brasileiro de Coaching – IBC. São formações voltadas para todos os tipos de necessidades, que vão te ajudar nas mais diversas etapas da vida em que você estiver, principalmente naquelas relacionadas às descobertas de dons e talentos e no desenvolvimento do mesmos. 

Para saber mais sobre o que mais se adequa à sua realidade e necessidade, acesse: https://www.ibcshop.com.br/cursosonline e faça agora mesmo, de forma facilitada, a sua inscrição!

Antes finalizar, quero deixar apenas uma reflexão que, acredito, pode te levar a conhecer e estimular ainda mais este processo de desenvolvimento do seu potencial infinito: O que você tem feito para multiplicar seus dons e talentos?

É essencial que você reflita bastante sobre isso, pois será este pensamento que vai te ajudar a sair da zona de conforto, fazendo com que você, realmente e verdadeiramente, cresça em todos os âmbitos da sua vida. 

Organize seus pensamentos e ações nesta direção e torne-se a pessoa bem-sucedida que você sempre quis ser!

Agora me conte: este conteúdo fez sentido para você? Você já conseguiu identificar quais dons e talentos você possui? Deixe o seu feedback sobre o texto nos comentários, lembrando-se sempre de se lembrar de nunca esquecer de compartilhar com os seus amigos, em suas redes sociais, e continuar me acompanhando diariamente por aqui e também pelo meu canal no Youtube, onde trago muitas dicas e novidades, para que você aprimore-se e cresça continuamente. 

Fonte: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/diferenca-entre-dom-e-talento/

Perseverança – Conheça uma importante qualidade para se obter sucesso

Perseverança – Conheça uma importante qualidade para se obter sucesso

perseverança é uma qualidade essencial para aqueles que desejam alcançar o sucesso, pois está relacionada diretamente ao não desistir e seguir em frente, mesmo quando as condições não são favoráveis. Afinal de contas, o caminho para as conquistas é árduo e cheio de obstáculos, por isso, apenas chegam lá aqueles que persistem e perseveram. Continue a leitura e saiba mais a respeito dessa particularidade tão importante.

Por que a perseverança é importante?

Perseverar é, acima de tudo, acreditar e confiar que tem capacidade para alcançar um objetivo. Pessoas de sucesso chegaram onde chegaram exatamente por serem perseverantes e terem trabalhado duro, caído, levantado e superado os obstáculos que encontraram pelo caminho. Sem essa qualidade, um indivíduo acaba desistindo na primeira queda, porque permite que a falha o faça acreditar que seu sonho não é possível.

Pense bem, se pessoas importantes da história não tivessem sido perseverantes, certamente não teríamos acesso a muitas coisas que hoje fazem parte da nossa vida. Ou você acha que a tecnologia foi criada naturalmente, sem testes, falhas, fiascos? Praticamente todas as grandes invenções acontecerem através de processos longos e árduos, que funcionam para uma ideia como a lapidação é para o diamante.

Apenas para citar um único exemplo, temos Thomas Edison, que inventou a lâmpada elétrica. Se você pensa que o processo foi simples, se enganou, pois ele realizou nada menos do que mil e duzentas tentativas até que sua invenção desse certo. Inclusive, ele tem uma citação muito interessante que expressa muito bem a importância da perseverança, que diz: “Um gênio se faz com um por cento de inspiração e noventa e nove de esforço”. Acredite, se você se esforçar, também poderá conseguir.

7 Dicas para desenvolver a perseverança e obter sucesso

Independentemente de qual seja sua história e quais sejam seus objetivos, a verdade é que, se deseja obter sucesso em tudo o que fizer, precisa ter perseverança. De abrir um negócio a fazer uma receita, é preciso persistir e acreditar que irá conseguir. Confira sete dicas para desenvolver a qualidade da perseverança e alcançar seus objetivos.

1 – Aprenda a ver a falha como parte do processo

As pessoas costumam desistir de seus objetivos porque não conseguem se perdoar ao falharem. Assim, entram em um ciclo negativo, acreditando que se erraram é porque não irão conseguir, o que não é verdade. O erro faz parte do processo, dificilmente alguém acerta na primeira tentativa. Para confirmar isso basta fazer uma breve pesquisa sobre a história de nomes de grande relevância, como Walt Disney, Steve Jobs e tantos outros. Desse modo, mudar a sua visão em relação a isso é o primeiro passo para desenvolver a perseverança.VOCÊ É FELIZ?

2 – Mantenha um mindset de crescimento

Ter um mindset de crescimento fará com que busque sempre aprender algo novo e se desenvolver, mesmo que seja através de um pequeno passo. Se você crescer 1% a cada dia, ao longo de um mês terá alcançado um alto nível de desenvolvimento. Independentemente do que esteja fazendo, dedique-se a melhorar sempre um pouco mais, a longo prazo isso fará uma diferença enorme em sua vida.

3 – Permita-se correr riscos

Quando você se permite correr riscos, se prepara para enfrentar situações cada vez mais desafiadoras e, como consequência, se desenvolve. Por outro lado, se ficar sempre fazendo aquilo que considera confortável, não irá nunca sair do lugar. Permita-se ousar e fazer coisas diferentes se o que deseja é obter novos resultados. Se o medo de falhar vier, volte para a primeira dica e lembre-se que isso faz parte do processo.

4 – Complete 40% da tarefa

Um atleta está em meio a uma prova de corrida e começa a sentir que seu fôlego está acabando, então, consegue avistar, mesmo que de longe, a linha de chegada, o que dá a ele gás para continuar. Com outros tipos de objetivos acontece da mesma maneira, ter conseguido concluir uma parte significativa reduz as chances de desistência. Por essa razão, sempre conclua 40% das suas tarefas, ver o caminho percorrido te dará energia para continuar se dedicando até chegar aos 100%.

5 – Tenha os objetivos claros em sua mente

Thomas Edison não desistiu em meio às suas mil e duzentas tentativas porque sabia exatamente o que queria: gerar luz a partir de uma corrente de energia. Para se manter perseverante é preciso ter bem claro em sua mente pelo que está se dedicando, senão, poderá desanimar ao se deparar com o primeiro obstáculo. Saiba o que você quer, por que você quer e o que isso representa em sua vida, essa clareza será o combustível que te levará ao seu destino.

6 – Divida um objetivo em pequenos passos

Objetivos grandiosos levam mais tempo para serem alcançados e o segredo para se manter firme e não desistir é dividi-los em pequenos passos. Assim, terá sempre luz ao fim do túnel, já que não irá mirar no fim de todo o processo e sim da etapa em questão. Se você deseja aprender um novo idioma, por exemplo, precisa vivenciar cada etapa, aprender as palavras e regras gramaticais até chegar à fluência. Além do mais, essa ação permitirá que se organize de modo mais eficaz, otimizando seu tempo e sua energia.

7 – Aprimore suas habilidades

Como disse anteriormente, os erros fazem parte do processo para alcançar qualquer tipo de objetivo, mas, mais do que lidar positivamente com eles, é preciso aprender as lições que ensinam, e a mais poderosa é o desenvolvimento. Se você tentou realizar uma ação e falhou, questione-se qual foi o motivo, veja no que pode melhorar. Buscar aprimorar suas habilidades é fundamental para se capacitar e acreditar cada vez mais em si para seguir em frente sem desistir.

A coragem nem sempre é demonstrada através de uma voz potente afirmando que é capaz. Na grande maioria das vezes, ela surge através de uma voz calma dizendo que tentará novamente no dia seguinte. Isso é ter perseverança e se levantar quantas vezes forem necessárias para chegar onde deseja.

Você se considera uma pessoa perseverante? Comente a respeito abaixo e compartilhe o artigo em suas redes sociais, para incentivar outras pessoas a nunca desistirem de seus objetivos!

Fontes: https://www.jrmcoaching.com.br/blog/perseveranca-conheca-importante-qualidade-para-se-obter-sucesso/

BAIXAR O PDF
close-link